31.8.09

Um dia o amor virou-se para a amizade e disse:

 - Para que existes tu se já existo eu?

 

A amizade respondeu:

- Para repor um sorriso onde tu deixaste uma lágrima.

 

Tags: ,
link do postescrito por anid, às 18:31  opina à-vontade

13.4.09

Pois é, é o que faz estar sempre a fazer declarações publicamente... Habitua-se mal!

 

No passado sábado, a minha cara-metade lembrou-se de dar descanso ao Tico e diminuir o número de horas de trabalho ao Teco e então deu asneira...

Não tínhamos nada combinado com ninguém e portanto a tarde era para ser passada no sofá a ver um filme, mas acabou por ficar ele sozinho no sofá, enquanto eu fingia que arrumava a casa, atirava coisas para o chão e irritada por ele continuar a não me dizer o que se passava, arranjar-me para sair de casa.

Ele não foi atrás de mim, o que me deixou ainda mais furiosa! Detesto estar chateada com ele e para piorar a situação ando completamente deprimida por ver o aproximar-se do fim do meu cão...

 

Depois de mais de uma hora a passear a pé pelas ruas do centro de Gaia, lá recebo um telefonema dele a perguntar-me por onde andava. Estava na Fabio Lucci, respondi, ao que ele perguntou: 'estiveste aí esse tempo todo?'. Ao que eu retorqui, ainda bastante chateada: 'se quisesses mesmo saber, tinhas vindo comigo'.

 

Mas coração mole como sou, já tinha comprado dois panikes de chocolate, que ele tanto adora e não consegui ficar chateada muito mais tempo com ele.

 

Depois ele abusa de mim...

 

link do postescrito por anid, às 13:38  opina à-vontade

6.4.09

Pois, é esta à conclusão que chego, pelo menos em relação à M. e ao P. Já não falava com ela há uns meses, mas nada mudou...

A M. e o P. são ambos adultos, quase trintões, ela já tem casa própria e namoram há quase dois anos.

Ela tem vontade que o P. se mude de malas e bagagens para casa dela; o P. também quer isso, mas tem medo da reacção dos pais, com quem ele trabalha e que ainda não perceberam que o P. já não tem dez anos há muito tempo...

 

Podia dizer que se realmente se amassem, enfrentavam tudo e todos, mas até que ponto a realidade socio-económica permite que um casal decida ir viver junto e um deles corra o risco de ser despedido???

 

Pois, amar não chega...

sinto-me:
link do postescrito por anid, às 19:58  opina à-vontade

Esta é mais uma daquelas músicas que me fazem recordar os nossos primeiros meses de intensa paixão, muitas vezes, às escondidas dos meus pais - não por estes não quererem que a filha namorasse, mas porque sabia melhor...

 

Mas, ontem, Domingo, dia enublado e friorento, estivemos a tarde em frente à televisão, aconchegados cada um no seu cobertor, deixando a certa altura de saber onde começava um e onde terminava o outro... Fizemos cedências, vendo primeiro um filme que me agradava e depois que te agrava a ti.

 

Pareceu um daqueles dias, em que sem fazer nada de especial, fomos só um nos desejos, nas vontades...

 

Preciso de dizer algo mais? Quase seis anos depois, e um ano e meio a viver juntos, parece que tudo começou ontem, com o nosso primeiro beijo na paragem da camioneta na Praça das Camélias, no Porto.

 

 

sinto-me: in love always!
link do postescrito por anid, às 17:36  opina à-vontade

27.2.09

 

Hoje tive a confirmação. Tens um tumor no local que a nós corresponde à bacia. O teu osso não tem quase densidade e daqui a pouco tempo pode mesmo até partir. A tua pata, como vejo, dá-te mais desequilíbrio do que ajuda na locomoção.

 

O que posso fazer por ti? O que tenho vindo a fazer nos últimos 13 anos que vieste para os meus braços: dar-te todo o meu amor e carinho e tomar a decisão final quando for necessária, porque por mais que doa o facto que te perder, dói mais saber que estás a sofrer.

 

Adoro-te, Pintas!

 

link do postescrito por anid, às 21:00  opina à-vontade

16.2.09

Este foi um desafio proposto pela StAr. Não tenho por hábito responder a este tipo de desafio, mas como é sobre um sentimento tão complexo, acabei por aceitar.

 

O desafio consiste em:

* Escrever a definição do amor

* Passar a 10 blogs

* Comentar nos blogs a que passaram o desafio

* Mencionar as regras

 

Não passo a 10 blogs, mas fica em aberto para quem quiser participar.

 

Amor é ter alguém que nos respeite,

É ter alguém que nos ame por aquilo que somos,

Que não ria dos nossos disparates

E sorria perante eles.

 

Amor é sentir saudades,

É pensar naquela pessoa 24 horas por dia,

365 dias por ano

E desejarmos sempre mais...

 

Amor é ter alguém que cuide de nós,

Que limpe as nossas lágrimas,

Que dê aquela palavra de ânimo,

Amor és tu!

 

Dedicado à minha cara-metade, que é isto e muito mais, mas acima de tudo, é um grande amigo que me tem acompanhado nestes últimos seis anos (quase)...

 

Tags: ,
link do postescrito por anid, às 20:04  opina à-vontade


pesquisa
 
mais sobre mim
Maio 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


Leitura em curso
Neste momento não leio nada, apenas escrevo...
comentários recentes
PROGRAMA DE AFILIADOS!Você está a procura de um re...
aqui no Brasil a gente fala muito mal o nosso idio...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
por acaso tambem andei muito a procura desta music...
subscrever feeds
blogs SAPO